Como e por que passei a viajar ainda mais depois de ser pai

Como e por que passei a viajar ainda mais depois de ser pai

Sou Rico Sombra, carioca, fotógrafo, e pai da Juju. Viajar pra mim sempre foi uma forma de aprendizagem, conhecer novos lugares, pessoas, comidas e culturas diferentes

Muita gente acredita que a paternidade significa uma mudança radical de vida, uma espécie de aposentadoria da aventura e da liberdade. Uma troca de paradigmas: você terá o maior amor do mundo, mas em compensação deverá abrir mão da sua liberdade e assumir novos compromissos, além de contas, muitas contas.

jujunatrip-6

Mas a verdade é que não precisa ser assim. Pelo contrário. Quando Juju nasceu, o que aconteceu é que passamos a viajar muito mais. Eu e Gabi sempre tivemos esse ponto em comum: somos viciados em viagens. E quando nossa filha nasceu, decidimos criá-la para o mundo, e no mundo. E as viagens, em vez de diminuir, se intensificaram. Antes só viajávamos nas férias do trabalho, hoje mudamos nossos trabalhos para poder viajar mais e mais. E isso por vários motivos.  

Viajar é aprender

jujunatrip-3

As viagens são a melhor escola da vida, cultural, ambiental. Mas também é a nossa forma mais profunda de troca de amor, de estarmos juntos, de experimentarmos juntos. Juju está no terceiro passaporte, já conhece mais de 25 países, e somos mais felizes do que jamais pensamos. Juju é minha companheiraça: surfamos juntos, mergulhamos juntos, fazemos tudo juntos. E um apóia o outro, sempre, e isso é muito show. Quando não tenho coragem de pular de algum lugar, por exemplo, ela está ali: ¨Vai pai, manda ver!¨

jujunatrip-5

Claro, viajar com a família é mais caro que viajar sozinho. Então, mudamos algumas atitudes para conseguir continuar na estrada: compramos apenas o necessário, gastamos menos com supérfluos, e guardamos nosso dinheiro para viajar. E assim, nossa filha ainda cresce num mundo melhor e menos descartável. Além disso, também buscamos formas mais conscientes de nos locomover, como a BlaBlaCar, em que compartilhamos nossas viagens com outras pessoas de forma segura.

Além de ficar mais barato, a gente conhece outros viajantes, é divertido, os deslocamentos passam mais rápido e ainda é ecologicamente correto. Menos carros circulando, menos emissão de poluentes.

Toda hora é hora de viajar

jujunatrip-4

Então, assim, Juju viaja com a gente desde sempre. Estávamos grávidos de três meses quando atravessamos Peru e Bolivia de carro. Juju sentiu a VIBE de Machu Picchu já ali, e foi uma viagem mágica, literalmente (até raios saíram de nossa mãos), mas isso é uma outra história.

Adoramos viajar de carro, porque podemos parar onde e quando quisermos.  Quer fazer xixi? É só parar!!!!  Tá com fome ? É logo ali …  Ahhh! Outra coisa bem legal é que nossas viagens de carro são bem democráticas,  cada um fica uns 30 minutos escutando suas musicas preferidas e todos ficam satisfeitos com as alterações de ritmos, sempre bem ecléticos.

E o legal também é quando desligamos o som e cantamos todos juntos… Lala lala laaaa…

O que não pode faltar também são os jogos dentro do carro pra passar o tempo, como, por exemplo, adedanha: pode ser nome de bicho, nome de cidade, nome próprio e por aí vai. Roupas confortáveis e travesseiros para viagens longas são sempre bons companheiros.

E sempre muito cuidado com a segurança, revisando todos os itens do carro antes de qualquer viagem. E  BOA VIAGEMMM!!!

Publicar caronaProcurar carona

Por Rico Sombra, do blog Juju na Trip.

Descubra mais sobre

Nossa comunidade

Ao acessar o nosso site, você concorda com o uso de cookies para analisar e produzir conteúdo e anúncios adaptados aos seus interesses. Leia a nossa política de utilização de cookies

Publique uma viagem